• Assoc. Pediátrica Viana

Proteção Solar



Proteger do Sol

Todos nós precisamos do Sol, no entanto uma exposição curta ao Sol é suficiente para manter normais os seus níveis de vitamina D. Por outro lado, uma exposição prolongada ao Sol acarreta efeitos nocivos, sendo a complicação a longo prazo mais temida o cancro de pele. O número de novos casos de cancro na pele tem aumentado em todo o mundo e a exposição aos raios UltraVioleta (UV) do Sol na criança e consequentes queimaduras solares nesta idade são um fator de risco conhecido.


As atividades ao ar livre são muito importantes e são incentivadas, mas a exposição solar sem as devidas medidas de proteção acarretam riscos para a saúde, desde queimaduras solares a aumento do risco de cancro de pele.


Quem precisa de proteção contra o Sol?

TODOS! Moreno ou mais branquinho, todos se devem proteger.


Quando deve iniciar esta proteção?

As medidas de proteção contra raios UV devem ser iniciadas desde que comece a exposição solar.


Como fazer essa proteção?


Uso de protetor solar

O protetor solar deve ser usado todo o ano, não só no Verão!


Outras medidas

  • Procurar a sombra.

  • Evitar a exposição solar nas horas de maior calor quando os Raios UV atingem a Terra com maior intensidade.

  • Não expor ao sol crianças com menos de 1 ano de idade por longos períodos.

  • Usar óculos de sol, chapéus/bonés, mangas compridas e calças frescas especialmente nas horas de maior calor.

  • Beber água, mesmo sem sede, para evitar a desidratação.


Cuidado!

Os dias enevoados proporcionam uma sensação ilusória de segurança contra os raios UV, no entanto a radiação que nos atinge nesses dias é suficiente para provocar queimadura solar.

Notas:

Entre 50-80% dos danos causados pela exposição solar durante toda a vida de um indivíduo, são provocados entre a infância e a adolescência.


Protetor Solar:

Existe uma grande variedade de protetores solares que protegem contra radiação Ultravioleta B e/ou A. Inicialmente a grande preocupação era a radiação UVB, porém os efeitos nocivos do fotoenvelhecimento e oncogénese são também induzidos pela UVA, daí que cada vez mais se aconselhe o uso de proteção solar contra ambas as radiações.

UVA - penetram nas camadas mais profundas da pele provocando fotoenvelhecimento e risco aumentado de neoplasia cutâneas.

UVB - penetram de modo mais superficial sendo responsáveis por queimadura solares e neoplasias cutâneas.

Os filtros solares existentes nos protetores solares podem ser minerais ou sintéticos atuando por reflexão e absorção da radiação solar, respetivamente.

Os filtros minerais ( também chamados de físicos ou inorgânicos) contém substâncias como óxido de zinco e dióxido de titânio.

Os filtros sintéticos ( também designados químicos ou orgânicos) podem provocar reações cutâneas na pele como dermatite.

As designações water-resistant e very water resistant são adotadas para protetores solares que mantem a capacidade de proteção solar mesmo após 2 ou 4 banhos de 20 minutos respetivamente.


O que quer dizer o número na frente do Protetor Solar (15,30,50)?

Quanto maior o número, maior a proteção. O número refere-se ao FPS - Fator de Proteção Solar. Por exemplo, um FPS de 10 indica uma proteção 10x maior com o Protetor Solar do que sem ele. Na prática se uma pessoa sem Protetor Solar ficar queimada em 12 min, com o uso do Protetor só deverá ficar queimada 12x10=120 min, 2h depois.


Recomendaçãoes de apliacação em idade pediátrica:

Menores de 6 meses - não é recomendável aplicar proteção solar.

Menos de 3 anos- a exposição solar deve ser minimizada, protegendo-os com chapéus, óculos de sol, roupa fresca e que cubra a pele e protetor solar acima de 30.

O protetor solar deve ser aplicado em todo o corpo da criança, sobretudo nas áreas mais expostas. Deve usar-se um fator de proteção acima de 30 (preferencialmente fator 50+), idealmente com filtros minerais (particularmente abaixo dos 2 anos de idade) e resistente a água!


André Costa e Silva, Sandrina Martins, Serviço de Pediatria da ULSAM


14 visualizações
Contactos

Morada: Estr. de Santa Luzia 50, 4900-408 Viana do Castelo, Portugal

Email: associacaopediatricaviana@gmail.com

 

Telefone: 258802444