• Assoc. Pediátrica Viana

COVID-19 e máscaras: as crianças devem usar?



Nos últimos meses a vida de todos sofreu alterações profundas devido à infeção pelo novo coronavírus. Desde o período de confinamento total até aos dias de hoje, muitas informações foram veiculadas sobre os meios que cada um deveria utilizar para se proteger a si e aos outros desta doença.


Agora que inicmos o processo de desconfinamento e nos adaptamos a uma nova normalidade, surgem algumas questões e receios nos pais e nas crianças sobre um novo elemento do nosso dia-a-dia: as máscaras.


Na publicação de hoje tentamos ajudar a responder a algumas dessas questões.


A partir de que idade devem as crianças usar máscaras?


As máscaras devem ser usadas pelas crianças a partir dos 2 anos de idade. No entanto, é normal que muitas crianças só as tolerem por volta dos 3 anos de idade.


Porque é que não se devem utilizar máscaras até aos 2 anos de idade?


Até essa idade a utilização da máscara não é recomendada por várias razões:


  • A criança não consegue perceber a necessidade da máscara

  • A criança não gosta de ter a cara coberta e vai tentar retirar a máscara várias vezes

  • Ao tentar remover a máscara poderá causar ferimentos ou ficar com a mesma presa e poderá também contaminar-se ao colocar as mãos na máscara

  • As crianças mais pequenas poderão ter dificuldade em respirar com a máscara colocada e não têm capacidade de o dizer. Ao ficarem com a cara tapada perdemos parte da possibilidade de notar essa dificuldade respiratória.


Como posso proteger o meu filho/a até ao ano de idade?



A melhor forma de o proteger é não o levando para locais públicos. No entanto, sempre que tiver necessidade de o fazer pode tomar algumas medidas:


  • Mantê-lo na alcofa, “baby coque” ou sistema de retenção, com um pano respirável a cobrir o dispositivo mas sem que esteja em contacto com a cara do bebé (como provavelmente já fazia antes)

  • Se usar carrinho de bebé, pode utilizar a cobertura que muitos dos carrinhos trazem ou cobrir a parte aberta do carrinho com um tecido respirável. Não se esqueça que deve visualizar frequentemente a criança para garantir a sua segurança

  • Caso transporte o bebé ao colo, transporte-o virado para si.


E até aos 2 anos como posso proteger o meu filho/a?



Nas crianças que já começaram a caminhar é normal e natural que queiram correr para todo o lado, tocar em tudo e muitas vezes levar objetos à boca. É saudável e faz parte do seu crescimento. Nesta faixa etária a melhor forma de as protegermos é evitar as deslocações a locais onde não possa ser mantido o distanciamento social.


No entanto, sempre que o fizermos, devemos manter a criança junto a nós, reduzir ao mínimo o tempo que estamos em contacto com outras pessoas, evitar o contacto com pessoas doentes ou em especial risco e higienizar as mãos com frequência.


Não é fácil convencer o meu filho/a pequeno/a a utilizar máscara…O que lhe posso dizer?


Existem algumas estratégias que podem ser utilizadas para tornar a situação mais normal:


  • Se as crianças têm medo de utilizar a máscara, os pais devem utilizar máscara de forma a que a criança perceba que todos a usam

  • Colocar uma máscara no peluche ou boneco favorito da criança

  • Imprimir o boneco favorito da criança, desenhar uma máscara e pintar o desenho com a criança

  • Mostrar imagens de outras crianças/amigos com máscaras

  • Com a máscara colocada, colocarem-se em frente ao espelho e falarem sobre o assunto


Adicionalmente, utilizar máscaras com motivos infantis facilita a aceitação e torna o processo mais divertido.


Em algumas crianças, particularmente com perturbações do neuro-desenvolvimento, poderão existir dificuldades adicionais em lidar com o processo de colocação e utilização de máscaras.


O que posso explicar às crianças mais pequenas?



Às crianças mais pequenas convém explicar de forma simples e em linguagem acessível e não entrar em muitos detalhes, pois poderão confundir e assustar a criança.


O que pode ser explicado às crianças mais velhas?


Às crianças mais velhas pode explicar que é uma proteção contra micróbios porque existem micróbios que causam doença nas pessoas e que devemos usar as máscaras para nos protegermos.


Explique-lhe que ao usar a máscara, está a proteger também as outras pessoas.


Tornar a criança informada do processo (quando já tem alguma maturidade para isso) e de alguma forma consciente do que está a fazer e das boas consequências do que está a fazer ao usar máscara, vai torná-la uma aliada dos pais!


As crianças têm ficado muito assustadas com o que ouvem todos os dias. Como podemos lidar com isso?


  • Tranquilize-as - as crianças irão procurá-lo para se acalmarem e terem apoio. Dê-lhes o seu apoio, mostre-se tranquilo e aproveite os momentos que podem passar juntos.

  • Mantenha a informação simples - não entre em detalhes muito complexos sobre a doença.

  • Explique sem alarmar, diga os cuidados que deve ter.

  • Evite a sobre-exposição a meios de informação e fique perto das crianças quando estão a ver notícias de forma a que as possa explicar e tirar dúvidas.

  • Coloque questões – pergunte o que as crianças sabem, o que ouviram e as dúvidas que têm. Ouça as dúvidas, surpreenda-se com elas e responda com serenidade.


Qual o tamanho e tipo de máscara que as crianças devem usar?

As crianças entre os 3 e os 5 anos devem usar máscaras pequenas, as crianças entre os 6 e os 9 anos devem utilizar máscaras de tamanho médio e acima dos 9 anos devem utilizar máscaras de tamanho grande (adulto).

Relativamente ao tipo de máscaras devem ser utilizadas as máscaras cirúrgicas. No caso de crianças que realizem medicação imunossupressora ou com doenças com compromisso do sistema imune (como, por exemplo, as doenças oncológicas) deverá contactar o seu médico assistente para que o informe da melhor máscara a utilizar em cada situação.




Como devo colocar a máscara no meu filho?


  • A criança deve ser sempre supervisionada quando coloca, utiliza e retira a máscara.

  • Lave e desinfete as suas mãos e as da criança antes de colocar a máscara

  • Colocar a máscara a cobrir o nariz e a boca, ajustar os elásticos atrás das orelhas e ajustar no queixo e no nariz

  • Nas crianças mais velhas, o processo deve ser realizado várias vezes de forma acompanhada e supervisionada até se ter a segurança que a criança o consegue fazer sozinha de forma adequada.



Como retirar a máscara?


  • Lave e desinfete as mãos antes de retirar a máscara. Caso esteja a utilizar luvas, retire-as

  • Retire a máscara tendo o cuidado de pegar pelos elásticos na parte de trás e nunca tocando na parte da frente

  • Caso seja uma máscara descartável, coloque-a no lixo sem tocar na parte da frente da máscara.

  • Caso seja uma reutilizável e a vá lavar, coloque-a a lavar sem tocar na parte da frente da máscara.

Neste vídeo da Direção Geral da Saúde pode ver estes passos explicados:



Autores: Francisco Ribeiro Mourão, Mariana Costa, Isabel Martinho

S. Pediatria ULSAM


1,822 visualizações
Contactos

Morada: Estr. de Santa Luzia 50, 4900-408 Viana do Castelo, Portugal

Email: associacaopediatricaviana@gmail.com

 

Telefone: 258802444